Professor assume o Instituto Básico de Biociências

Destaque

É o primeiro cargo administrativo do docente na Universidade

O Prof. Dr. Oscar Cesar Pires ingressou na Universidade de Taubaté (UNITAU) em 1999, inicialmente para ministrar aulas de Farmacologia no curso de Medicina. No ano seguinte, assumiu também a disciplina de Fisiologia. Posteriormente, ao ser criado o Instituto Básico de Biociências (IBB), passou a ministrar aulas em diversos cursos, como Enfermagem, Fisioterapia, Nutrição, Odontologia, Psicologia e Estética e Cosmética.

Diante de muitas experiências e dificuldades, o professor destaca uma situação interessante no início da carreira. “Na época, como os recursos eram poucos, preparava as aulas para passar em slides, mas, para isso, passava noites digitando, depois fotografava a tela do computador e mandava revelar para poder ter o material das aulas”, conta.

Em janeiro de 2016, pela primeira vez, assumiu um cargo administrativo na Universidade, como diretor do IBB. Entre os objetivos dele na nova função estão fazer com que as áreas básicas da Biociências sejam mais projetadas no meio universitário e conseguir o reconhecimento nacional e internacional das disciplinas e dos laboratórios do Instituto.

Outro grande objetivo, de acordo com o diretor, é dar continuidade aos planos iniciados pela gestão anterior como, por exemplo, o de criação de uma especialização multiprofissional e o de criação de um curso de pós-graduação stricto sensu.

“Meu sonho é ver a Universidade de Taubaté (UNITAU) prosperando muito e com um renome internacional ainda mais forte do que existe hoje”, disse.

O novo diretor do IBB é natural de Caconde, interior de São Paulo, reside em Taubaté e está com 53 anos de idade. O docente afirma que um grande prazer em sua vida é ministrar aulas.

ACOM/UNITAU