Auxílio de alunos garante bom desempenho da Escola de Aplicação na Olimpíada de Matemática

Acontece, Aluno, Balbi, Destaque

Alunos da Escola de Aplicação Dr. Alfredo José Balbi foram classificados para a segunda fase da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP), que, em sua 13ª edição, contou com a participação de escolas privadas. Como um dos principais incentivos para o bom resultado, está o auxílio de dois estudantes do curso de Matemática da Universidade de Taubaté (UNITAU).

Rosane Cristina Gomes Catarina, 5º semestre, e William Castellini de Almeida, do 3º semestre, participam do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID) da UNITAU, que oferece aos participantes a oportunidade de vivenciarem atividades relacionadas ao magistério. “Nós já fazíamos um reforço junto com a professora de Matemática. Os alunos estavam bem ansiosos e, então, tivemos a ideia da preparação para a Olimpíada”, conta Rosane.

A relação estabelecida se consolidou a partir do bom desempenho dos estudantes. “Foi uma interação e uma experiência muito boas. É legal ver o resultado porque eles queriam mesmo entender e aprender”, relata William. Além de dar continuidade às atividades já desenvolvidas, ambos já se preparam para a segunda fase da prova. “Vamos continuar com o reforço e, agora, vamos batalhar para a segunda fase. Nossa ideia é fazer com que eles se ajudem”, completa.

A segunda fase da OBMEP será realizada no dia 16 de Setembro, e a divulgação final dos resultados será no dia 22 de Novembro.

 Giovanna Madureira
ACOM/UNITAU

Foto: Bruna Barros/UNITAU