Equipe Aerotau alcança bom resultado em competição

Acadêmico, Acontece, Destaque, Engenharia, Engenharia Mecânica, Ensino Superior, Projetos, Tecnologia

Os alunos da Equipe Aerotau, que representa os cursos de Engenharia da Universidade de Taubaté (UNITAU), alcançaram o melhor resultado em participações na competição Society of Automotive Engineers (SAE) Brasil. A equipe ficou em 33º lugar, nove posições acima da colocação do ano passado.

A competição colocou mais de 90 instituições frente à frente em uma disputa entre aeronaves desenvolvidas pelos próprios estudantes de diferentes lugares do Brasil e de países da América.

O SAE Brasil contempla três categorias: advanced, micro e regular, da qual a Universidade participa. Os times que conseguiram realizar o vôo com mais precisão dentro do que foi projetado se saíram melhor na competição.

“Além do desempenho, que foi muito melhor que o esperado, o maior ganho foi a oportunidade de aprendizado. É sempre satisfatório ver o resultado do trabalho em equipe se materializar em um projeto de sucesso”, destaca o Prof. Me. Pedro Marcelo Alves Ferreira Pinto, docente do curso de Engenharia Aeronáutica e coordenador da equipe Aerotau.

Entre as áreas do projeto que devem ser aprimoradas para um bom resultado final na competição estão a aerodinâmica, a estrutura, o desempenho, a estabilidade e o controle, os sistemas elétricos e a integração de projeto. Com todos os pré-requisitos definidos, os estudantes procuram o melhor equilíbrio para que a aeronave consiga realizar vôos com segurança, controle e com a maior carga possível.

No primeiro dia do evento, a equipe fez a apresentação teórica para avaliadores que julgaram o conceito da aeronave construída. Quem ficou responsável por representar os alunos foi Saulo Vitor Zonfrilli, do 8º semestre de Engenharia Aeronáutica, que considerou positiva a avaliação do time. “Foi minha primeira apresentação, eu estava bem nervoso, mas tudo fluiu bem. Eu acho que a equipe, no geral, teve uma boa participação”. Na sequência da competição, os alunos realizaram os vôos práticos com a aeronave.

Para a edição do SAE Brasil do ano que vem, os alunos procuram formas de realizar ensaios de materiais e de estruturas, simulações numéricas e ensaios em túnel de vento. Esses testes podem aumentar a pontuação e melhorar ainda mais a classificação geral do time ao final da disputa. “Vamos nos preparar ainda mais para conquistar colocações mais altas e levar o nome da Equipe Aerotau para destaque no âmbito da competição e também da indústria”, ressalta Filipe Ferreira Caetano, aluno do 10º semestre de Engenharia Aeronáutica e capitão da Equipe.

Felipe Rodrigues

ACOM/UNITAU

Imagens: Leonardo Oliveira