Iniciação científica: tudo o que você precisa saber para participar

Acadêmico, Acontece, Bolsa de estudo, CICTED, Conhecimento, Destaque, Iniciação científica

A Universidade é um local para adquirir conhecimento e ter novas experiências, certo? Participar de projetos de Iniciação Científica é uma dessas oportunidades que possibilita que o aluno desenvolva pesquisas e ainda tenha auxílio financeiro.

O que é iniciação científica?

A IC tem como principal objetivo envolver os alunos na produção de ciência. Para isso, o aluno pode participar de um projeto de pesquisa, que é sempre orientado por um professor pesquisador.

Essa atividade possibilita que o estudante conheça mais sobre a produção acadêmica e aprenda sobre metodologia. Participar de Iniciação Científica pode ser a porta de entrada para o mundo da pesquisa e começar a pensar em Mestrado e Doutorado. Os alunos pesquisadores podem participar de congressos e conferências como o CICTED.

Quais bolsas são oferecidas?

A UNITAU oferece bolsas próprias e em parceria do Conselho Nacional de desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Por meio do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica, o aluno pode desenvolver pesquisas e ganhar bolsas da UNITAU ou do CNPq. Além disso, há também programas voluntários dos quais os estudantes podem participar.

Como conseguir a bolsa para iniciação científica?

Para adquirir o benefício o aluno deve estar devidamente matriculado, ter uma média superior ou igual a sete em todos os semestres. O currículo Lattes deve estar atualizado também. E o principal: ter disponibilidade de tempo e vontade para se dedicar as atividades. A bolsa PIBIC/CNPq tem duração de 12 meses os projetos podem ser cadastrados até o dia 24 de maio aqui.

 

Nathália Sobral

ACOM/UNITAU

Foto: Mariana Souza/ACOM