Leonardo Oliveira/UNITAU

Professor muda vidas por meio da reconstituição facial

Comunidade, Destaque, Pesquisa, Professor

O Prof. Dr. Rubens Guimarães Filho, do curso de Odontologia da Universidade de Taubaté (UNITAU), ganhou destaque no cenário nacional e internacional realizando cirurgias de reconstituição facial e ministrando palestras sobre a sua especialidade na área odontológica, responsável pelo tratamento de traumas faciais e correção de deformidades dentofaciais, a cirurgia buco-maxilo-facial.

Brigas de rua, acidentes de trânsito, lesões esportivas, deformidades de nascença, violência doméstica, maus hábitos que causaram traumas faciais. O professor já encarou inúmeras situações em suas cirurgias. “Já operei homens que brigaram com a polícia, mulheres e crianças que sofriam com violência doméstica, pessoas que mantiveram um hábito errado durante a vida e adquiriram uma deformidade facial, todos sofrendo com dores”, disse o professor. “Operei uma criança que tinha sofrido um acidente de carro junto com a mãe. A criança sobreviveu, mas a mãe veio a falecer. A criança não sabia da morte e não parava de chamar a mãe. Foi, sem dúvida, a operação mais difícil que já fiz”, confessou o professor, que também falou que operar crianças é sempre um desafio.

Além dos casos extremos, o professor percebeu que, ao longo dos anos, indícios na ciência mostravam relação da qualidade de vida com a boa capacidade da respiração e que a falta de oxigênio no corpo podia causar algumas complicações. “As pessoas que não respiram bem acabam sofrendo mais, podem apresentar dificuldade na leitura, na concentração, tendência à gordura abdominal, sono agitado. Quando corrigimos esse erro facial, a via aérea fica mais liberada e o corpo reage melhor”, explicou Rubens.

Com esse trabalho, ele realizou cirurgias em vários estados do Brasil e ministrou palestras em vários países, como Suíça, Chile, Peru, Colômbia, França e Bolívia – neste último, também realizou operações. O professor faz cirurgias em todos os hospitais de Taubaté: no Hospital Regional do Vale do Paraíba, no Hospital Universitário de Taubaté – os dois primeiros administrados pelo Centro Universitário São Camilo –, no Hospital São Lucas e no Hospital Policlin.

Implantodontia

O professor Rubens ministra aulas na graduação e também coordena o curso de extensão em Implantodontia, que tem carga horária de 200h e acontece às segundas-feiras, das 8h até às 13h e das 14h às 18h. As inscrições estão abertas. Mais informações, clique aqui.

Caio Tebassi
ACOM/UNITAU

* Foto: Leonardo Oliveira/UNITAU